Acne, pesadelo dos adolescentes

Acne tem tratamento

A Acne, popularmente conhecida como cravos ou espinhas, é uma doença inflamatória da pele. O aumento da produção de sebo, causada pela elevação de hormônios sexuais, principalmente na adolescência, obstrui o canal de secreção da glândula sebácea.

Essa obstrução acaba por formar o cravo, pontinho branco ou escurecido, que se manifesta principalmente no rosto, costas, peito e ombros. Algumas vezes, esses poros obstruídos se infeccionam formando bolhas cheias de pus, conhecidas como espinhas.

Causas da Acne

A Acne é considerada uma doença multifatorial, ou seja, possui mais de uma causa específica.
Entre as mais importantes, podemos citar:

  • predisposição genética;
  • alterações hormonais, principalmente na adolescência;
  • uso de alguns medicamentos (como a cortisona);
  • utilização de cosméticos e cremes inadequados,

Conseqüências da acne

A acne é uma doença que pode deixar cicatrizes, se alguns cuidados não forem tomados.
O costume de espremer as espinhas deve ser evitado, pois além de não resolver o problema, pode causar lesões deixando cicatrizes e manchas na pele.
A extração dos cravos ou espinhas deve ser feita por um médico ou cosmetólogo, pois, embora essas marcas não deixem seqüelas para a nossa saúde, é importante frisar que essas cicatrizes podem afetar a auto-estima, principalmente na adolescência.

Tratamento

A acne é uma doença, logo deve ser tratada por um profissional da saúde.
O primeiro passo é detectar a causa da acne, geralmente associada ao aumento da secreção sebácea, mas que pode variar em cada caso específico.

Existem muitos produtos no mercado, muitos até sem efeitos comprovados, por isso um dermatologista deve ser consultado, pois quando não tratada, a acne pode deixar cicatrizes na pele.

Seu dermatologista indicará o tratamento mais adequado para o seu caso.

Os tratamento mais usuais, são:

  • esfoliação da pele (“peeling”), com o uso de substâncias químicas;
  • antibióticos tópicos, como cremes e loções;
  • antibióticos orais (comprimidos);
  • tratamento hormonal;
  • retinóides tópicos (geralmente em gel);
  • retinóides orais;
  • entre outros.

5 Respostas to “Acne, pesadelo dos adolescentes”

  1. Acho que a acne nao e motivo para ficar em casa escondendo de todo mundo, na adolescencia principalmente, ja pensou perder a vida por uma simples espinha no rosto, mesmo que seja varias. Eu tenho amigos com milhoes de espinhas e mesmo assim e o mais engraçado e legal da turma….. bobagem, defeitos todos tem e se alguem for parar de sair na rua por causa disso, saiba que mesmo se vc nao tivesse nenhuma espinha alguem ainda assim te colocaria um defeito…. quer saber bola pra frente, se ame, estude, cante enfim…. seja feliz… e se alguem abusar de vc finja que nem escutou e ria da cara dela….bom desejo o melhor pra todos e viva a vida.

  2. eh gostei da especialidade que esse site tem…

  3. Gostaria de saber se existe progesterona em gel para curar acne.
    Sendo este hormônio o único que resolve o meu problema, mas não gostaria de voltar a tomar anticoncepconal.
    Desde já agrdeço.

  4. Diego Lopes Says:

    Poxa eu estou com um espinha conhecida como : espinha cánau é faz ums quatro dias é doir muito…
    dizer ki matar…!

  5. Alex madruga Says:

    eu tenho 11 anos e tenho algumas borbulhas que agora sei que são espinhas muito malucas. tenho um rosto muito bonito mas agora tenho que ter cuidado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: